Vai adiar o seu casamento por causa do COVID-19? Como poupar no seu casamento

Se vai adiou o seu casamento por causa do COVID-19, é natural que se sinta frustrada com toda a situação. Mas pense no lado positivo: com mais tempo para procurar fornecedores, pode finalmente conseguir aquela quinta com que tanto sonhou ou poupar dinheiro em alguns orçamentos. Deixamos aqui algumas dicas para organizar um casamento mais barato!

Aulas de Caligrafia

Aulas de… caligrafia? Estaremos loucos? Não. Pense bem: os convites são imprescindíveis, mas são um serviço em que pode poupar bastante dinheiro. Com algumas aulas de caligrafia, pode fazer convites escritos à mão e mais personalizados ou escrever o nome dos convidados nas suas respectivas cadeiras. E o melhor é que pode começar a ter aulas de caligrafia online, mantendo a distância social. 

Formação em Arranjos Florais

Outra das maneiras de poupar no seu casamento é aprender a fazer arranjos florais. As flores são sempre um serviço caro: estamos a falar do ramo, dos arranjos de mesa e no caminho até ao altar. Mas se aprender a fazer arranjos florais até pode ir apanhar flores silvestres para fazer os arranjos de centro: sempre a poupar! 

Aulas de Maquilhagem

Outra maneira de poupar no seu casamento é dispensar os serviços de uma maquilhadora e maquilhar-se a si mesma. Com algumas aulas de maquilhagem pode aprender a fazer a maquilhagem que mais favorece a sua casa: e a quarentena é uma excelente altura para experimentar novos produtos e novas cores! Além disso, quem sabe se as aulas de maquilhagem não a podem ajudar a fazer uma transformação profissional?

Vai mudar a data do seu casamento? Veja aqui como reorganizar o seu casamento depois do COVID

man in black suit jacket holding woman in white wedding dress
Photo by cottonbro on Pexels.com

Se teve de cancelar o seu casamento devido ao COVID-19, agora tem de procurar uma nova data para o casamento e reorganizar todo o evento. O mais seguro é agendar já para 2021 – e prevenir uma segunda vaga no Outono – mas não vale a pena desesperar. Aqui deixamos algumas dicas para aproveitar o trabalho que já estava feito e poupar algum dinheiro! 

Não refaça os convites. Se já tinha os convites imprimidos e enviados, este é um dinheiro que nunca mais vai recuperar. Mas não vale a pena imprimir os convites de novo, até porque ninguém sabe como é que o resto do ano se vai desenrolar. Opte por um “save the date” digital e envie os novos convites por email. No máximo, procure alguém que possa fazer um design mais “caprichado” para os convites de casamento.

Serviço de catering para casamentos. Os restaurantes já estão em funcionamento, mas com uma capacidade limitada e sem buffets, para bem da segurança de todos. Se o seu catering de casamento consistia num buffer – ou, pelo menos, se incluía um buffet de entradas e sobremesas – terá de desistir dessa ideia e encontrar um menu fixo para toda a refeição. 

As flores e o ramo de casamento. Aqui, tudo depende do seu novo plano. Um caminho de flores até ao altar não faz tanto sentido se fizer um cerimónia mais pequena só em casal, por exemplo. As flores que escolheu para o ramo também podem mudar se passar o casamento da Primavera para o Inverno, especialmente se fizer questão de usar flores silvestres. Procure uma florista para casamentos para saber que tipo de arranjos poderá fazer na nova data. 

Apesar de ter de fazer alterações ao seu plano, há muitas coisas que podem ficar igual. O fotógrafo de casamento, o bolo e a decoração só precisam de mudar de data.